1.6.10

Uma Nova Família !

Hoje quero muito falar sobre uma coisa muito legal, mas que ainda existe muitos conceitos e pré - conceitos, acabei de chegar fui dar uma aula de personal para uma pessoa muito querida, e o que é mais legal é que ela vai ser mãe, pois a sua esposa está grávida... hã? Pois é sobre isso que vou falar. Qual a diferença entre duas pessoas que se amam? Já sei kkkkk , homem e mulher? mulher, mulher? homem, homem? Bom, diferença nenhuma tudo é amor, mas daí entra uma criança no meio, mudou não é mesmo? Como essa criança vai crescer? Terá duas mães, dois pais... Volto a dizer que o mais importante é como ela será em termos de pessoa, respeito, quais os conceitos, os valores dessa criança!!! E essa preocupação é sempre a mesma quando esperamos um bebê. Venho aqui dizer que elas serão mães daqui duas semanas hahaha, que gostoso, antes que me esqueça foi inseminação artificial, escolheram o sexo do bebê, mas era para ser menina... e é um menino, por sinal lindo ( ultrasson ) rsrs! Os preparos, a espera, ela linda grávida,  comum como qualquer casal. Parabéns a vocês que tiveram a coragem de mostrar para o mundo , que tudo é perfeito, concordem ou não estamos vivendo um novo momento na humanidade, e esse momento nos faz parar e refletir como estamos, será que iremos conseguir acompanhar essa nova família? Parem e reflitam, sejam livres para se expressar, podem opinar, ser contra ou a favor!
Pois , respeitamos a opinião de todos e principalmente, o livre arbítrio!
Beijos !
Ser Estranho Ser!


2 comentários:

Mônica - Sacerdotisa da Deusa disse...

Oi flor!
Lindo seu post!!!
Demorô pra vc colocar alguma coisa do tipo aqui hein rs, agora sim!
Flor, sou hetero, mas sempre tive muitos amigos homosexuais, e eu os amo de paixão! Nunca tive, e nem sou uma pessoa preconceituosa, quem me conhece sabe! Defendo, tomo partido, penso que TODOS os seres humanos tem o mesmo direito a tudoooooo....acho ridículas as leis, as regras, os dogmas, tenho nojo só de pensar que existem pessoas que ficam ditando o que é certo ou errado! Sou anarquista graças aos Deuses rsrsrs.
Lindo amiga, apoiada, que sejam muito felizes! E vc tbm! :)
Beijinhos.

Flores e Luz.

HAZEL disse...

Querida e gentil Dani, foi um bom post.
O tema é complexo, e leva-nos a pensar nas coisas.
Acho que uma criança necessita de uma referência masculina e outra feminina no seu desenvolvimento.

Os meninos precisam de aprender os padrões de comportamento masculinos, de aprender a fazer a barba e de ter um homem a quem perguntar aquelas coisas que eles um dia vão querer saber sobre a sua masculinidade.

As meninas, por seu lado, quando começam a surgir as mudanças no corpo com a puberdade e a chegada da menstruação, necessitam de uma mulher que as apoie e ensine.

Cada sexo tem as suas necessidades próprias.

No entanto, não encaro a coisa com rigidez.
Há tantas e tantas crianças que têm um pai e uma mãe, e um deles (ou até mesmo os dois!) não sabe desempenhar bem o seu papel, não dá o apoio que os seus filhos precisam...

Quem sabe se duas mulheres muito empenhadas não o fariam muito melhor?

É assunto para pensar...

Beijos, doce amiga